Última hora

Fogo "Maria" devasta Califórnia

Fogo "Maria" devasta Califórnia
Direitos de autor
Reuters
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Mais de 700 bombeiros combatem vários incêndios no estado norte-americano da Califórnia. Apesar das rajadas de vento terem diminuído, o fogo apelidado de Maria, que começou nesta quinta-feira no condado de Ventura, devorou já mais de 3200 hectares e ameaçou várias localidades. Cerca de 7500 pessoas tiveram de abandonar as suas casas.

Além das dificuldades atmosféricas, o xerife do condado de Ventura contou que "os esforços de combate aéreo a incêndios foram dificultados por alguém a pilotar um sistema aéreo não tripulado na área." Bill Ayub referiu que o drone parecia estar a fotografar as chamas e que "isso criou uma situação bastante perigosa. Não só é ilegal, como também dificulta os esforços de combate aos incêndios".

Nas últimas semanas, as chamas têm devastado parte da Califórnia. Pelo menos seis habitações foram destruídas. O Governador, Gavin Newsom, declarou o estado de emergência de modo a garantir fundos de assistência para combate aos incêndios.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.