Última hora
This content is not available in your region

Ex-primeiro-ministro vence primeira volta das presidenciais

euronews_icons_loading
Ex-primeiro-ministro vence primeira volta das presidenciais
Direitos de autor  AP Photo/Darko Bandic
Tamanho do texto Aa Aa

A primeira volta das eleições presidênciais na Croácia constituiu uma chamada de atenção ao poder conservador, a uma semana do país assumir a presidência rotativa da União Europeia.

O ex-primeiro-ministro da esquerda social-democrata Zoran Milanovic venceu o escrutínio, com cerca de 30 por cento dos votos, e lutará na segunda volta contra a presidente cessante, Kolinda Grabar-Kitarovic.

Milanovic afirmou que "nas próximas duas semanas, [vai] lutar para convencer todas as pessoas para as quais a Croácia é uma prioridade, de que é possível ter uma boa comunidade civil com todas as pessoas que vivem no país, que podem ser diferentes, mas devem ser tratadas de forma igual".

A chefe de Estado conservadora cessante obteve 26,6 por cento dos votos. Apesar dos resultados menos satisfatórios, Kitarovic está já de olhos postos na segunda volta, a 5 de janeiro.

A presidente croata felicitou os outros candidatos pelos resultados obtidos e fez questão de "agradecer, em particular, os eleitores que [lhe] conferiram a sua confiança, permitindo ir à segunda volta, no caminho para a vitória final".

O populista Miroslav Skoro ficou em terceiro lugar com 24,4 por cento dos votos, demonstrando a forte ascensão da direita nacionalista, num país confrontado a uma grande pressão migratória nas suas fronteiras.