Última hora
This content is not available in your region

Micheal Ward é estrela em ascensão

euronews_icons_loading
Micheal Ward é estrela em ascensão
Direitos de autor  Blue Story (Paramount Pictures UK)
Tamanho do texto Aa Aa

Micheal Ward, protagonista de "Blue Story", é o vencedor do prémio "Rising Star", uma estrela em ascensão, atribuído pela Academia Britânica de Artes do Cinema e Televisão, através dos BAFTA. O ator foi considerado o mais promissor para 2020.

"Blue Story" é uma adaptação de uma minissérie, do rapper londrino Rapman, publicada no YouTube e intitulada "Shiro's Story". Tem como personagens centrais dois jovens amigos que se tornam rivais numa guerra de rua. O filme acabou banido de parte das salas de cinemas britânicas depois de confrontos violentos no dia da sua estreia, em Birmingham:

"O que aconteceu não foi ideal, não era isso que queríamos. Esta situação não devia ter acontecido. Fiquei feliz por ninguém se ter magoado. Isso foi o principal, ninguém se magoou. Quando as pessoas assistem ao filme fazem-no pelo que é e não pela violência. Na verdade, agora percebem que se trata de amor e é isso que estávamos a tentar mostrar", adianta o ator.

Apesar de os nomeados terem sido escolhidos pelos jurados dos BAFTA, o vencedor deste galardão é o único, entre todas as categorias deste prémio do cinema, a depender do voto do público:

"A lista de nomeados era, brilhantemente, diversificada e estou feliz por isso. Interpretações incríveis, em geral, performances muito diferentes, também. "Blue Story" teve uma jornada difícil com tudo o que aconteceu na sua estreia. É um filme incrível. Por isso, quem ainda não viu, por favor, vá ver", explica Amanda Berry, diretora executiva dos BAFTA.

A entrega destes prémios acontece a dois de fevereiro, no Royal Albert Hall, em Londres.