Última hora
This content is not available in your region

Novo treinador do Barcelona diz que não se pode "melhorar ainda mais"

Novo treinador do Barcelona diz que não se pode "melhorar ainda mais"
Direitos de autor
AP Photo/Emilio Morenatti - Emilio Morenatti
Tamanho do texto Aa Aa

Não tem um percurso muito falado fora de Espanha, mas Quique Setién, o novo treinador do Barcelona, tem um capital mais do que reconhecido dentro de portas.

Nascido em Santander, Setién, de 61 anos, jogou pelo Atlético de Madrid nos anos 80 e passou as últimas duas décadas a consolidar clubes mais pequenos. Que o diga o Bétis de Sevilha, no qual esteve duas temporadas, e levou até à Liga Europa. Desde o final da época passada que este adepto confesso de Lionel Messi se encontrava numa pausa. Agora tudo mudou.

"Ontem andava a passear na minha aldeia, com as vacas. Hoje estou no Barcelona, a treinar os melhores jogadores do mundo, numa equipa extraordinária. Uma equipa que não vou conseguir melhorar ainda mais. Isto é o topo", declarou.

Fica a herança do bicampeão espanhol Ernesto Valverde, com quem o clube acordou a saída após o recente desaire na Supertaça nacional, frente ao Atlético de Madrid, e a nunca digerida humilhação face ao Liverpool, na Liga dos Campeões.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.