Última hora
This content is not available in your region

Donald Trump foi à marcha contra o aborto

euronews_icons_loading
Donald Trump foi à marcha contra o aborto
Direitos de autor  AP   -   J. Scott Applewhite
Tamanho do texto Aa Aa

O presidente norte-americano, Donald Trump, participou na "Marcha pela Vida" Um acontecimento anual em Washington que junta milhares de famílias e fiéis de congregações religiosas contrárias ao aborto.

Trump é o primeiro inquilino da Casa Branca a participar nesta marcha e não escondeu ao que foi: pedir o voto de milhares de mulheres conservadoras e cimentar o eleitorado evangelista.

"As crianças por nascer nunca tiveram um maior defensor na Casa Branca. No que diz respeito ao aborto, os democratas, - e vocês sabem disso, vocês viram o que aconteceu - os democratas abraçaram as posições mais radicais e extremas tomadas e vistas neste país por anos e décadas e pode até dizer-se, por séculos".

Trump discursava ao mesmo tempo que decorria no Congresso a discussão entre os senadores sobre o seu processo de destituição. Em referência ao processo, o presidente afirmou: "Eles atacam-me porque eu vos defendo".

No passado, o magnata Donald Trump defendia a liberdade de escolha de cada mulher; hoje, a nove meses da eleição presidencial em que joga o segundo mandato, o presidente condena o aborto.