Matteo Salvini derrotado nas regionais italianas

Matteo Salvini derrotado nas regionais italianas
Direitos de autor RAI
De  Patricia Tavares
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A candidata da Liga, Lucia Borgonzoni, conseguiu apenas 43,6% dos votos.

PUBLICIDADE

Matteo Salvini perdeu a aposta que tinha feito em Emilia-Romagna. O líder da extrema direita italiana, não conseguiu retirar a região do domínio da esquerda, como esperava, nas regionais italianas. A candidata da Liga, Lucia Borgonzoni, conseguiu apenas 43,6% dos votos.

Com uma longa carreira no Partido Democrata, o presidente da região, Stefano Bonaccini, saiu na frente com 51,4% dos votos: "O valor da mobilização: espero que seja o ponto de partida do meu partido e de todas as forças de centro-esquerda, o ponto de partida de uma nova centro-esquerda".

Uma vitória da direita em Emilia Romagna podia ter anunciado a queda do governo italiano, já enfraquecido pelos desaires do Movimento Cinco Estrelas - um membro da coligação. No sul do país, na Calábria, a esquerda acabou por ceder a vitória à extrema-direita. "Pela primeira vez somos determinantes no sul", disse Salvini.

Neste escrutínio, os eleitores mobilizaram-se, com uma percentagem de participação recorde. Para o chefe do governo italiano, Giuseppe Conte, estas eleições regionais serviram para mostrar que o partido de Salvini deu início a uma curva descendente.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Salvini julgado por recusar desembarque de migrantes: "Orgulhoso do que fiz"

Salvini junta principais representantes da extema-direita europeia

Afluxo de migrantes em Itália coloca em causa a política de Meloni