Última hora
This content is not available in your region

Aumenta o número de casos de novo coronavírus em Itália

euronews_icons_loading
Aumenta o número de casos de novo coronavírus em Itália
Direitos de autor  Euronews
Tamanho do texto Aa Aa

O principal foco de infeção do novo coronavnavírus na Europa continua a ser a Itália. Foi confirmada a 12.ª vítima mortal e pelo menos 400 infetados. Onze cidades no norte do país continuam isoladas mas a propagação do vírus não foi contida.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) diz que o Covid-19 está a espalhar-se mais rapidamente fora da China.

Áustria, Croácia, Grécia, Noruega, Geórgia e Macedónia do Norte anunciaram novos casos - Muitos envolvendo pessoas que estiveram em Itália.

As autoridades procuram tranquilizar a população.

"Não há necessidade de pânico e sim de confiança das pessoas no que o governo italiano está a fazer. O Ministério da Saúde e o Comité da Proteção Civil, juntamente com o Comissário Europeu, estamos prontos para, juntos, aumentar a capacidade de reposta," afirma o diretor-regional da OMS para a Europa, Hans Kluge.

Na ilha espanhola de Tenerife, perto de mil turistas estão em quarentena, após quatro casos confirmado de coronavírus.

Alguns temem que a situação venha a transformar-se numa repetição do sucedido no navio de cruzeiro Diamond Princess. Há turistas fartos da situação.

"Agora, a questão é: o que fazemos nos próximos catorze dias? É claro que temos livros e tudo mais, mas não o suficiente para catorze dias. Felizmente também temos jogos de cartas, yatzy, gamão, xadrez," revela um hóspede em quarentena no hotel H10 Costa Adeje Palace em Tenerife, S'ren Christensen.

Fora da Europa, Argélia, Brasil e Paquistão também anunciaram as primeiras infeções por covid-19. O caso brasileiro marcou a chegada do vírus à América Latina.

Entretanto, o presidente Donald Trump tenta acalmar o receio nos Estados Unidos da América.

"Estamos muito, muito prontos para isso. Para qualquer coisa. Quer seja algo de grandes proporções ou não. Estamos nesse nível muito baixo e queremos mantê-lo assim," declarou o Presidente dos EUA, Donald Trump

A China anunciou mais 29 mortos, uma queda face ao dia anterior, ao mesmo tempo que apareceram 433 novos casos,

Enquanto casos de infeção já foram relatados em mais de 40 países, Portugal não tem casos confirmados mas há oito novos casos (suspeitos) registados.