Última hora
This content is not available in your region

Eslovacos escolhem novo Parlamento

euronews_icons_loading
Eslovacos escolhem novo Parlamento
Direitos de autor  AP
Tamanho do texto Aa Aa

Os eslovacos escolhem este sábado o novo parlamento, numa eleição marcada pela expectativa sobre os resultados da extrema-direita.

Segundo as ultimas sondagens, os eleitores preparam-se para castigar os sociais-democratas do SMER, que governam o país desde 2012 e estão em vários escândalos.

As legislativas deste sábado ficam marcadas também pelo assassinato de Jan Kuciak e da noiva, Martina Kusnirova, em 2018.

Kuciak e Kusnirova, os dois com 27 anos, foram mortos a tiro quando o jornalista investigava um alegado caso de corrupção e crime organizado. O assassinato provocou grandes protestos e manifestações nas ruas e a demissão do primeiro-ministro Robert Fico.

Tudo indica que o OLaNO, um partido de oposição de centro-direita , será o vencedor do escrutínio. Atingido pelas consequências do assassinato de Kuciak, o SMER de Robert Fico deve disputar o segundo lugar com O Partido Popular - A Nossa Eslováquia, um partido de extrema-direita que defende a saída do país da União Europeia.

"Este estado mafioso tem de ter novos líderes", disse à AFP a assistente de loja Dasa Hankova, acrescentando que o líder do OLaNO, Igor Matovic, teria o seu voto. "Ele vai trabalhar para acabar com a corrupção - é o que mais importa agora".