EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Bulgária aposta na produção de máscaras

Bulgária aposta na produção de máscaras
Direitos de autor AFP
Direitos de autor AFP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Na cidade de Stara Zagora, há uma pequena empresa pública de vestuário que passou a produzir entre 1500 a 2000 máscaras por dia. Mas não é suficiente

PUBLICIDADE

A falta de equipamento de proteção é um problema grave na Bulgária, numa altura em que o país luta contra a propagação do coronavírus. 

Um primeiro lote de 8000 máscaras foi enviado ao pessoal médico, mas são precisas muitos mais. O governo de Sófia está a negociar com mais de 70 empresas de vestuário e avalia a hipótese de exportar máscaras e fatos de proteção.

Na cidade de Stara Zagora, há uma pequena empresa pública de vestuário que passou a produzir entre 1500 a 2000 máscaras por dia. Mas não é suficiente.

Tanya Slavova, gerente da empresa Meresev, explica que apenas uma muito pequena quantidade das máscaras acaba no mercado livre. “A fábrica é pequena, as máscaras podem parecer muito simples, mas é preciso tempo para serem feitas de forma correta”.

O principal objetivo da empresa é assegurar máscaras para a cidade. Os principais clientes são os hospitais, centros médicos e as empresas locais. A fábrica trabalha quase exclusivamente para a cidade de Stara Zagora.

As máscaras são agora tão raras que a indústria têxtil não consegue fazer face a uma grande procura. Muitas entram em esquemas de contrabando e são enviadas para fora do país.

Com as fronteiras a fechar, a segurança é reforçada. Os postos para controlar os migrantes ilegais escondidos em camiões, agora, controlam também os equipamentos de proteção que saem do país. Produtos comprados na Turquia e destinados ao mercado negro europeu são apreendidos regularmente.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Bruxelas denuncia quantidade "chocante" de falsos medicamentos na internet

Sambódromo recebeu "O Maior Espetáculo da Terra"

População da China diminui pelo segundo ano consecutivo