Última hora
This content is not available in your region

Quarentena nas Galápagos

euronews_icons_loading
Lusa
Lusa   -   Direitos de autor  LUSA
Tamanho do texto Aa Aa

Mais de 600 tripulantes, de 177 embarcações, estão em quarentena nas Ilhas Galápagos, que pertencem ao Equador, e impedidos de ir para terra salvo por motivos excecionais. Pelo menos 51 deles estão infetados com o novo coronavírus, de acordo com as autoridades locais. Grande parte dos infetados são assintomáticos e estão no mesmo barco. Há 15 dias que estas pessoas estão a ser acompanhadas pelas autoridades de saúde. Mas há quem já esteja ao largo da ilha de Santa Cruz há mais de quarenta dias. Os infetados aguardam agora a realização de novos testes para determinar a evolução da doença. Há uma morte a lamentar, de um dos dois tripulantes que foram transferidos para um hospital de Quito. O responsável pelo governo regional diz que o impacto da covid-19 nas Galápagos é idêntico ao de um terramoto devido à vulnerabilidade do sistema económico.