Última hora
This content is not available in your region

É possível mergulhar de novo no Oceanário de Lisboa

euronews_icons_loading
É possível mergulhar de novo no Oceanário de Lisboa
Direitos de autor  RTP
Tamanho do texto Aa Aa

Se há imagens que podem ajudar a descomprimir por estes dias, as das célebres lontras do Oceanário de Lisboa farão seguramente parte. O espaço voltou a abrir portas esta semana. Para mergulhar nestes oceanos, a máscara é obrigatória e as filas inexistentes. Pelo menos, por agora.

"Vamos ter o máximo de visitantes por dia de 2.000, 2.500 pessoas, quando no passado chegámos a ter nove mil. Quando se visita, é obrigatório ter máscara. Se não a trouxer, oferecemo-la. Ao longo da visita, há locais onde podemos desinfetar as mãos", explica o diretor-executivo, João Falcato.

E quantas vezes é que poderemos dizer que tivemos o Oceanário quase só para nós?

"Se todas as pessoas tiverem medo, ninguém vem. Então eu vim. E está vazio. Realmente acaba por ser preferível assim. Estamos a fazer o nosso passeio sem problemas", dizia-nos um visitante.

No meio dos receios que a epidemia instalou vêm constantemente à superfície os números: no espaço de um dia, registaram-se mais 19 mortos por Covid-19 em Portugal, num total de 1163, aproximando-se o país da fasquia dos 28 mil casos de infeção.