Última hora
This content is not available in your region

Itália abre fronteiras nacionais a 3 de junho

euronews_icons_loading
Itália abre fronteiras nacionais a 3 de junho
Direitos de autor  Luigi Navarra/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved
Tamanho do texto Aa Aa

Itália vai abrir as fronteiras nacionais a partir do dia 3 de junho. Um passo fundamental no esforço primeiro-ministro Giuseppe Conte de revitalizar a economia depois de mais de dois meses de bloqueio devido à crise sanitária. De acordo com um decreto do governo, publicado nas primeiras horas da manhã deste sábado, os cidadãos italianos terão total liberdade de circulação e confirma que algumas empresas vão reabrir a 18 de maio.

A Irlanda também anunciou a primeira fase do levantamento das medidas restritivas, com início na próxima segunda-feira. O primeiro-ministro do país, Leo Varadkar disse que, se tudo correr bem, a nação passará por uma nova fase de reabertura a cada 3 semanas - a próxima será no dia 5 de junho. Reforçando que é preciso seguir as diretrizes para avançar já que a situação é provisória e reversível e que o progresso depende da contribuição de todos.

Um progresso gradual que também acontece em Portugal. O país conta reabrir as praias no próximo mês, um anúncio feito pelo primeiro-ministro, António Costa que incentiva a população a utilizar uma aplicação que informa sobre o espaço disponível em cada praia.