Última hora
This content is not available in your region

Países Baixos ordenam abate de dez mil visons

euronews_icons_loading
Países Baixos ordenam abate de dez mil visons
Direitos de autor  Sergei Grits/AP
Tamanho do texto Aa Aa

Nos Países Baixos, várias quintas de criação de visons vão ter de abater cerca de dez mil animais, por ordem do governo, depois de ter sido detetada a presença do coronavírus em dez destas instalações e por medo de transmissão do vírus destes animais para os humanos.

A primeira destas dez quintas procedeu já ao abate de centenas de visons, incluindo crias.

Benno Bruggink, responsável da autoridade neerlandesa para a segurança alimentar e dos produtos de consumo, diz que "estes animais estão doentes, por isso são confinados e depois abatidos, para evitar a disseminação do vírus".

A criação de visons para o comércio de peles já só é permitida em 24 países. A China, a Dinamarca e a Polónia são os maiores produtores mundiais. Os grupos de defesa dos animais dizem que esta é uma boa oportunidade para acabar de vez com a prática.