Última hora
This content is not available in your region

Conservadores vencem eleições na Croácia

euronews_icons_loading
Conservadores vencem eleições na Croácia
Direitos de autor  AP/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved
Tamanho do texto Aa Aa

Os conservadores consolidam o poder na Croácia. A União Democrática Croata (HDZ), de centro-direita, conduzida pelo primeiro-ministro Andrej Plenkovic obteve este domingo 68 assentos parlamentares, um resultado melhor do que nas anteriores legislativas.

No entanto, fica ainda aquém da maioria necessária para governar em solitário e terá de procurar novamente parceiros de coligação.

É uma grande vitória, mas também significa uma grande obrigação. Tivemos um mandato difícil e os desafios que nos esperam são certamente ainda maiores.
Andrej Plenkovic
primeiro-ministro croata

A coligação de centro-esquerda Recomeçar, liderada pelo Partido Social Democrata de Davor Bernardic teve, ao contrário, um resultado dececionante, ficando-se pelos 41 assentos.

Não é fácil falar depois de um resultado destes.
Davor Bernardic
líder do Partido Social Democrata

O próximo governo terá a árdua tarefa de recompor a economia e relançar o turismo depois da epidemia de coronavírus.

A eleição também ficou marcada pela ascenção da extrema-direita, com o recentemente formado Movimento da Pátria a obter a terceira posição.

Jorgen Samso, euronews:"A Croácia deverá seguir na via do centro-direita e o país prepara-se agora para as negociações da nova coligação. Com o resultado obtido, a União Democrática Croata poderá escolher afastar-se da extrema-direita do Movimento da Pátria e virar-se antes para a diáspora croata e para os partidos minoritários. A decisão caberá ao partido, nos próximos dias e semanas."