Última hora
This content is not available in your region

Covid-19: França não descarta encerrar fronteiras com Espanha

euronews_icons_loading
Covid-19: França não descarta encerrar fronteiras com Espanha
Tamanho do texto Aa Aa

Com a Catalunha a entrar em confinamento não compulsivo por causa de transmissão comunitária de Covid-19 , e os receios de uma segunda onda, com os residentes manterem os hábitos de verão, todas as regiões autónomas de Espanha decretaram o uso obrigatório de mascaras à exceção de Madrid e as Canárias.

A França olha com desconfiança o que se passa em Espanha em especial na Catalunha. O presidente Emmanuel Macron anunciou estar disposto a encerrar fronteiras caso a crise da Covid-19 se agrave no país vizinho. França regista também uma aceleração de contágios, que não deve ser negligenciada alertam as autoridades.

Já no Reino Unido, o ministério da Saúde fez uma pausa na contagem de casos e mortes pela Covid-19, ao mesmo tempo que revê os métodos utilizados por suspeitar de enviesamento de dados.

A Roménia está na liderança da União Europeia como pais com mais casos registados nas últimas 24 horas. Um recorde para a nação dos Cárpatos ao anunciar mais de 800 contágios, depois de dois dias consecutivos com 700 novos casos.

Mas nada que se compare com as mais de 6,200 infeções diárias da Rússia, que é o quarto país mais atingido pelo Coronavírus com um total de 760 000 casos registados desde o início da crise.