Última hora
This content is not available in your region

"Full Moon Opera"

euronews_icons_loading
 "Full Moon Opera"
Direitos de autor  Screenshot Euronews
Tamanho do texto Aa Aa

Desde segunda-feira que o Teatro Nacional Checo, em Praga, está encerrado. Os 62 membros estão de quarentena, devido à Covid-19.

Por isso, o dono de um café, situado no topo de um edifício perto do teatro, organizou uma noite especial onde os amantes de ópera puderam ouvir alguns dos clássicos do belo canto.

Ondrej Kobza referiu que este seu "Full Moon Opera" é uma grande oportunidade para ouvir música sem ter de usar máscara pois estão numa esplanada.

A ópera ficou a cargo do baixo-barítono checo, Adam Plachetka e de Katerina Knezikova, que cantaram a partir do topo do Palácio de Lucerna.

Adam afirmou que as restrições impostas devido à pandemia da Covid-19 estimularam a criatividade

O baixo-barítono afirmou que o novo coronavírus fez com que as pessoas parassem e tivessem tempo "para começar a pensar em coisas invulgares e em formas alternativas de atuar".

O cantor viu os seus espetáculos cancelados em Viena e Paris, devido à pandemia. No entanto, desfrutou da intimidade de atuar em Praga.

Para a plateia, foi uma noite memorável.

Uma das espetadoras afirmou que gostou, especialmente, que um artista que atua em grandes salas estivesse disposto a cantar "para um grupo tão pequeno de pessoas e num espaço tão agradável em Praga".

Katerina Knezikova cantou a "Lua no Céu Elevado" sob a lua cheia do céu de Praga.

A música é da ópera de Antonin Dvorak "Rusalka" que significa "Sereia".