EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Protestos dão lugar a manifestações culturais na Colômbia

Protestos dão lugar a manifestações culturais na Colômbia
Direitos de autor AP Photo
Direitos de autor AP Photo
De  euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Manifestações contra a violência policial fizeram 13 mortos em quatro dias

PUBLICIDADE

Quatro dias depois do seu início, os protestos em algumas cidades da Colômbia parecem estar a abrandar e a transformaram-se em intervenções culturais de cidadãos nas ruas e em algumas das instalações da polícia que foram incendiadas, nos últimos dias.

Pelo menos 13 pessoas morreram e mais de quatro centenas ficaram feridas nos protestos despoletados pela morte de Javier Ordóñez, um advogado de 46 anos, que morreu na quarta-feira, depois de ter sido atacado com um taser pela polícia.

Os protestos parecem ter abrandado depois dos pedidos de perdão dos dirigentes da Polícia Nacional da Colômbia e do ministro da Defesa.

Carlos Holmes Trujillo apontou o dedo a anarquista e grupos como o Exército de Libertação Nacional, acusando-os de se terem infiltrado nas manifestações para provocarem tumultos e confrontos com as forças de segurança.

Além de Bogotá e da cidade Soacha, as manifestações contra a violência policial tomaram conta, também, das ruas de Cartagena da Índias, onde estudantes universitários protestaram pacificamente.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Israelitas em protesto em Jerusalém para exigir eleições e libertação dos reféns

"Agricultores guerreiros" próximos da extrema-direita fizeram protesto "convivial"

Geórgia numa encruzilhada à medida que lei da influência estrangeira aprofunda divisões