This content is not available in your region

Sonda da NASA toca pela primeira vez em asteróide

Access to the comments Comentários
De  Rodrigo Barbosa  com EFE
Asteróide Bennu fotografado pela sonda Osiris-Rex
Asteróide Bennu fotografado pela sonda Osiris-Rex   -   Direitos de autor  NASA/Goddard/University of Arizona via AP

Os cientistas da NASA têm razão para celebrar. Pela primeira vez, uma sonda da agência espacial norte-americana tocou num asteroide, recolhendo amostras para trazer para a Terra.

O contacto entre a sonda Osiris-Rex e o asteroide Bennu teve lugar esta terça-feira, a mais de 300 milhões de quilómetros do nosso planeta.

Dante Lauretta, responsável científico da missão:"A sonda fez tudo o que era suposto e nós também. Tocámos a superfície e agora cabe ao Bennu ver como tudo correu."

A Osiris-Rex foi lançada de Cabo Canaveral em setembro de 2016 e chegou à órbita de Bennu em dezembro de 2018.

Depois de aterrar no asteroide, lançou nitrogénio comprimido sobre a superfície para levantar pó e pequenos detritos, que deverão ter sido recolhidos como amostras pela sonda.

Nos próximos dias a NASA saberá se essa recolha foi bem sucedida, abrindo o que a agência descreveu como "uma janela para o sistema solar primitivo".

Caso contrário, realizará uma nova tentativa em janeiro, antes de encetar a viagem de regresso à Terra, onde a chegada está prevista para setembro de 2024.