Nagorno-Karabach sem "solução diplomática"

Nagorno-Karabach sem "solução diplomática"
Direitos de autor AP/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved
Direitos de autor AP/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Combates duram há quase quatro semanas e fizeram perto de mil mortos

PUBLICIDADE

A Arménia não acredita que seja possível uma "solução diplomática" ao conflito pelo enclave separatista de Nagorno-Karabach.

A afirmação foi feita pelo primeiro-ministro arménio, apesar dos esforços da comunidade internacional para negociar um cessar-fogo efetivo e duradouro.

Os combates duram há quase quatro semanas e já fizeram cerca de mil mortos.

O Azerbaijão também não e mostra particularmente disposto ao diálogo e o presidente azeri, que não hesita em classificar os adversários de "cães" e "bestas selvagens", já disse que uma negociação deve ser precedida da retirada dos independentistas.

Ainda assim, o Kremlin voltou a receber separadamente em Moscovo os chefes da diplomacia arménio e azeri e ambos são esperados igualmente em Washington nos próximos dias.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

França tenta recuperar iniciativa diplomática entre Arménia e Azerbaijão

Forças russas retiram-se do Nagorno-Karabakh

Embaixador da Autoridade Nacional Palestiniana em Espanha: "É possível que já estejamos a viver uma guerra mundial"