Última hora
This content is not available in your region

Corridas de camelos estão de regresso ao Catar

euronews_icons_loading
Corridas de camelos estão de regresso ao Catar
Direitos de autor  Kamran Jebreili/Copyright 2019 The Associated Press. All rights reserved.
Tamanho do texto Aa Aa

Depois de uma paragem por causa da pandemia, estão de regresso ao Catar as tradicionais corridas de camelo.

O desporto é uma paixão nacional e movimenta milhões em prémios.

As competições mais importantes são organizadas no complexo Al Shahaniya, localizado no deserto a 40km de Doha, e são transmitidas pela televisão. Atualmente, há oito corridas preliminares e três grandes festivais.

Mubarak Hamad Al-Nuaimi, da Comissão Organizadora de Corridas de Camelos no Catar, lembra que estas corridas são uma herança do Golfo, herdada de pais e avôs, e mantidas desde a infância.

Em 2005, o governo proibiu a presença de jóqueis com menos de 15 anos. Agora, é usada a tecnologia na maioria das corridas. Em cima dos camelos são colocados jóqueis-robôs controlados à distância pelos donos dos animais.

Amer Rashid Al-Madhoushi é dono e treinador de camelos e sublinha a ligação entre os animais e os donos. Fala do desporto como um vício e dos camelos como “uma bênção de Deus”.

Conhecida como "o desporto dos sheiks", a corrida de camelos é um dos vestígios do património cultural do Catar e uma forma de preservar a tradição e a identidade do país.