Última hora
This content is not available in your region

Manifestantes denunciam resultados eleitorais na Geórgia

euronews_icons_loading
Manifestantes denunciam resultados eleitorais na Geórgia
Direitos de autor  Shakh Aivazov/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved
Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de manifestantes desceram às ruas este domingo na capital da Geórgia, Tbilisi, para denunciar o resultado das eleições de 31 de outubro que deram a vitória ao partido no poder liderado pelo bilionário e antigo primeiro-ministro, Bidzina Ivanishvili.

O Partido do Sonho da Geórgia obteve a vitória com uma margem de 2% e rejeita as acusações de fraude eleitoral.

Num ato sem precedentes, antes do escrutíneo, a principal força da oposição, liderada pelo antigo presidente Mikheil Saakashvili, chegou a acordo com outros grupos da oposição no sentido de criar uma coligação caso fosse eleito.

Os manifestantes exigem o afastamento das autoridades eleitorais e a realização de novas eleições.

A comissão eleitoral ainda não formalizou os resultados que davam a vantagem ao partido no poder.

Três dezenas de um total de 150 assentos parlamentares permanecem por atribuir.

A composição final do novo parlamento só deverá ser conhecida no final de novembro.