Última hora
This content is not available in your region

Cemitério islâmico descoberto em Espanha

Access to the comments Comentários
De  Joao Duarte Ferreira
euronews_icons_loading
Cemitério islâmico descoberto em Espanha
Direitos de autor  from AFP video
Tamanho do texto Aa Aa

Um dos mais antigos e bem preservados cemitérios da era islâmica em Espanha foi descoberto durante os trabalhos de construção de uma estrada.

Arqueólogos descobriram 400 túmulos contendo mais de 4.500 corpos datados do século VIII.

A descoberta foi feita durante os trabalhos de alargamento de uma estrada na localidade de Tauste, próximo de Saragoça no nordeste de Espanha.

"É um momento de convergência, de mudança, ou seja, as pessoas que encontrámos enterradas aqui são pessoas que se converteram ao Islão, mas que vêm de uma tradição romana, por isso temos aqui um momento de transição cultural", afirma a coordenadora das escavações arqueológicas, Eva Jiménez.

As escavações em Tauste começaram em 2010.

Os arqueólogos sabiam que as sepulturas eram muçulmanas porque os esqueletos estavam virados para Meca, de acordo com as tradições religiosas.

A descoberta lança alguma luz sobre o período histórico na Península Ibérica após a conquista muçulmana ocorrida no século VIII.

Os restos mortais serão agora submetidos a análises de ADN antes de serem transferidos para um museu.