Última hora
This content is not available in your region

Brexit em preparação nos dois lados da Mancha

euronews_icons_loading
Jean Castex visita pescadores de Boulogne-sur-Mer
Jean Castex visita pescadores de Boulogne-sur-Mer   -   Direitos de autor  Christophe Petit Tesson/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved
Tamanho do texto Aa Aa

A pesca continua no centro das difíceis negociações entre Londres e Bruxelas para encontrar um acordo comercial pós-Brexit.

Em França, o primeiro-ministro Jean Castex visitou os pescadores de Boulogne-sur-Mer, face ao Canal da Mancha, com a promessa de um plano de acompanhamento para os profissionais do setor.

Olivier Leprêtre, presidente do comité regional de pesca:"É preciso um acordo, porque sem acordo, seja para a Euronor ou para a frota local, será a morte garantida. Se nos virmos todos limitados às águas francesas, vamos estar apinhados com belgas, holandeses, espanhóis e haverá uma sobreexploração de recursos, o que não pode acontecer."

A impossibilidade de acesso às águas britânicas é, assim, o grande receio.

Com ou sem acordo comercial, as normas europeias deixarão de se aplicar ao Reino Unido a 1 de janeiro.

No Sul de Inglaterra, a preocupação é a gestão do tráfego rodoviário, com grandes áreas de transição já em construção, para poder acolher um grande número de camiões no futuro próximo.

Face à incerteza a respeito do resultado das negociações, também há otimistas: o chefe da diplomacia irlandesa Simon Coveney acredita ainda num acordo "nos próximos dias" entre Londres e Bruxelas.