Última hora
This content is not available in your region

Países Baixos e Bélgica proíbem viagens de e para o Reino Unido

euronews_icons_loading
Países Baixos e Bélgica proíbem viagens de e para o Reino Unido
Direitos de autor  AP Photo/Alberto Pezzali
Tamanho do texto Aa Aa

Com uma nova variante do vírus Sars-Cov2 a circular e a propagar-se muito mais rapidamente, o governo britânico endureceu as medidas e voltou a confinar a capital e o sudeste de Inglaterra.

O primeiro-ministro, Boris Johnson, que se reuniu no sábado com o comité de peritos da saúde, justificou: "Quando a ciência muda, temos de mudar a nossa resposta. Quando o vírus muda o seu método de ataque, temos de mudar o nosso método de defesa e, como vosso primeiro-ministro, acredito sinceramente que não tenho outra alternativa".

Após as compras deste sábado, as lojas não essenciais, os restaurantes e bares voltaram a encerrar por tempo indeterminado e as reuniões familiares de Natal estão proibidas.

"É claro que não posso ir às compras, mas no que diz respeito ao Natal eles podem colocar o nível 4, mas realisticamente não podem impedir as pessoas de verem as suas famílias", refere uma residente em Londres.

Outro, afirma: "Acho que é a decisão certa neste momento. Com a atual nova estirpe a entrar na zona, pode ser bastante grave. Não queremos sobrecarregar o SNS".

O surgimento desta nova variante do vírus está a criar receios também fora de Inglaterra. A primeira-ministra da Escócia, Nicola Sturgeon, anunciou a proibição de viagens de e para o resto do Reino Unido.

"A fim de reduzir o risco desta estirpe ser importada para a Escócia, pretendemos manter uma rigorosa proibição de viagens entre a Escócia e o resto do Reino Unido. Infelizmente - e lamento sinceramente por isso - essa proibição permanecerá em vigor durante todo o período festivo", afirmou.

Os governo dos Países Baixos e da Bélgica também proibiram os voos entre o Reino Unido e o território nacional. A proibição está em vigor, pelo menos, até 1 de janeiro.