Última hora
This content is not available in your region

Comissão Europeia recomenda facilitação das viagens

euronews_icons_loading
Comissão Europeia recomenda facilitação das viagens
Direitos de autor  Euronews
Tamanho do texto Aa Aa

As viagens essenciais e a circulação de passageiros devem ser facilitadas e as restrições em vigor não devem impedir os cidadãos de regressar a casa. As recomendações são da Comissão Europeia, em resposta à suspensão nas ligações com o Reino Unido por parte de vários países europeus após a descoberta de uma nova estirpe do vírus SARS-CoV-2.

Bruxelas apela a uma ação coordenada dos Estados-membros não só para desencorajar qualquer viagem considerada desnecessária mas também para garantir a preservação das ligações essenciais. Nesse sentido, qualquer proibição de ligações aéreas ou ferroviárias deve ser suspensa.

Apesar das recomendações, cada país continua a ser livre para impor as suas próprias regras de controlo fronteiriço. A França, que tinha fechado as fronteiras com o Reino Unido no domingo, já modificou a sua posição e já permite o regresso dos seus cidadãos desde que tenham um resultado negativo a um teste à covid-19.

No sentido contrário às recomendações, a República da Irlanda anunciou que a suspensão das ligações aéreas com a Grã-Bretanha seria prolongada pelo menos até 31 de dezembro, uma vez que mais importante que os argumentos legais era o aspeto sanitário.