Última hora
This content is not available in your region

Angela Merkel passa o testemunho a António Costa

euronews_icons_loading
Angela Merkel passa o testemunho a António Costa
Direitos de autor  Stephanie Lecocq, Pool Photo via AP
Tamanho do texto Aa Aa

A passagem do testemunho está feita e esta sexta-feira o destino da Europa passa para as mãos de Portugal. O governo de António Costa substitui o executivo de Angela Merkel na presidência rotativa do Conselho Europeu. Os dois chefes de governo deixaram esta quarta-feira uma mensagem para assinalar a transição.

Na hora da despedida, a chanceler alemã destacou o desafio sem precedentes que a União Europeia foi obrigada a enfrentar:

"Quando olho para os seis meses de presidência alemã, obviamente que a pandemia de covid-19 foi o maior desafio para todos nós. Juntos vamos conseguir lidar com o impacto da pandemia nas economias nacionais e nos empregos dos cidadãos. O Quadro Financeiro Plurianual e o Fundo de Recuperação vão ajudar-nos a ultrapassar esta crise extraordinária. Há muitos países na Europa à espera desses fundos com urgência."

António Costa, por sua vez, olhou para os seis meses que se avizinham e apontou três marcos fundamentais da presidência portuguesa:

"A aprovação dos planos nacionais de recuperação, em conjunto com a lei do clima e o pacote dos serviços digitais. A cimeira social, que vamos organizar, juntando parceiros sociais, sociedade civil, instituições e estados-membros num compromisso comum, em torno de um plano de ação para o desenvolvimento do pilar social. E finalmente, o fortalecimento das relações de vizinhança e com os nossos parceiros estratégicos, com a África e as Américas, mas também com a região do Indo-Pacífico."

Portugal assume a presidência rotativa pela quarta vez numa altura em que a União Europeia enfrenta aquela que é, provavelmente, a maior crise na sua história.

Editor de vídeo • Bruno Sousa