Última hora
This content is not available in your region

Joe Biden diz que os EUA estão de volta

euronews_icons_loading
Joe Biden diz que os EUA estão de volta
Direitos de autor  Evan Vucci/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved
Tamanho do texto Aa Aa

"Os EUA estão de volta" foi essa a mensagem do Presidente norte-americano, Joe Biden, para o mundo no seu primeiro discurso sobre política externa.

O chefe de Estado diz querer ir ao encontro "das ambições crescentes da China", "da determinação da Rússia", dos "desafios globais" do clima e da pandemia de COVID-19:

"A América está de volta. A diplomacia está de regresso ao centro da nossa política externa. Como disse no meu discurso inaugural, repararemos as nossas alianças e voltaremos a envolver-nos com o mundo, não para enfrentar os desafios de ontem, mas os de hoje e os de a manhã", afirmou Biden.

O Democrata afirmou ainda que irá aumentar o esforço diplomático em relação à guerra no Iémen. Estima-se que mais de cem mil pessoas tenham morrido durante os seis anos de conflito que já fez milhões de deslocados:

"Esta guerra tem de acabar, e para sublinhar o nosso compromisso estamos a acabar com todo o apoio americano a operações ofensivas na guerra no Iémen, incluindo a relevante venda de armas".

Biden anunciou ainda o fim dos planos de retirada das tropas das várias bases militares americanas na Alemanha. Há mais de trinta mil efetivos estacionados no país e havia planos para redistribuir cerca de 9.500.