Última hora
This content is not available in your region

Israel reabre a economia

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Israel reabre a economia
Direitos de autor  Tal Shahar/ap
Tamanho do texto Aa Aa

É o terceiro desconfinamento em Israel. Centros comerciais, lojas e museus reabriram as portas a toda a população, mas há outros estabelecimentos onde só pode entrar quem tem um "certificado verde", que comprove que está vacinado ou recuperado da Covid-19.

Só com um certificado, os cidadãos podem frequentar ginásios, piscinas, cinemas e restaurantes. O documento é emitido pelo ministério da saúde israelita e tem validade de seis meses, que começa a contar uma semana depois da toma da segunda dose.

O primeiro-ministro israelita foi ao ginásio no sábado à noite e convidou os israelitas com "certificado verde" a frequentarem os locais abertos para as pessoas vacinadas ou recuperadas da Covid-19.

Cerca de três milhões de pessoas, quase um terço da população israelita, já tomaram as duas doses da vacina da Pfizer/BioNtech contra a Covid-19.

Os alunos do 5° e do 6° ano e os dos últimos anos do ensino secundário que vivem em cidades com taxas de infeção relativamente baixas também foram autorizados a voltar à escola.