EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Fãs salvam zoo em risco de fechar

Tibor com um dos seus tigres brancos
Tibor com um dos seus tigres brancos Direitos de autor Euronews
Direitos de autor Euronews
De  Ricardo FigueiraOlivia Harangozó
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Proprietário só espera poder reabrir em maio. Caso contrário, os animais enfrentam um futuro incerto.

PUBLICIDADE

Os leões vêm de África, os tigres da Sibéria e este jardim zoológico fica na Hungria, a cerca de uma hora de Budapeste. Trata-se de um zoo privado, propriedade de Tibor Tóth, construído e mantido sem qualquer ajuda do Estado. Por causa do fecho ditado pela pandemia, as instalações estiveram quase para encerrar definitivamente, condenando estes animais a um destino incerto. Uma ajuda de última hora, vinda de privados, impediu esse desfecho.

"Depois das últimas negociações que tivemos, posso dizer que já não olhamos para trás, agora só olhamos em frente. Estas últimas doações cobrem pelo menos dois meses de despesas, por isso, se pudermos abrir em maio, mantemo-nos vivos", conta o proprietário.

Se pudermos abrir em maio, sobrevivemos.
Tibor Tóth
Dono do zoo

É um alívio para Tibor, que confessou à Euronews que nas últimas semanas acordou todos os dias com a angústia de não saber o que fazer. Tinha já começado os procedimentos para abrir falência e contactado vários zoos estrangeiros com vista à adoção dos animais. O zoo tem 21 hectares e uma história de 30 anos de dedicação, com dezenas de espécies, incluindo várias espécies raras.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Televisão pública húngara emite debate político pela primeira vez em 18 anos

Na Hungria, uma nova oposição liderada por Péter Magyar desafia Viktor Orbán

O que está a fazer o antigo líder iraniano Ahmadinejad numa visita secreta a Budapeste?