Última hora
This content is not available in your region

Bolsonaro apresenta novos comandantes em aniversário do golpe militar

euronews_icons_loading
Bolsonaro apresenta novos comandantes em aniversário do golpe militar
Direitos de autor  Eraldo Peres/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved
Tamanho do texto Aa Aa

No dia em que o Brasil assinalou o 57° aniversário do golpe de Estado que levou à ditadura militar no país, em 1964, foram várias as manifestações a favor e contra o presidente Jair Bolsonaro.

Numa altura em que o Brasil vive a pior crise política desde a ditadura, foram apresentados os novos comandantes do Exército, da Marinha e da Aeronáuticas, depois de os anteriores terem apresentado demissão, em protesto contra Bolsonaro por ter demitido, na terça-feira, o ministro da Defesa, o general Fernando Azevedo e Silva, substituindo-o pelo general Walter Braga Netto.

Jair Bolsonaro está cada vez mais isolado e sob fortes críticas devido à forma como o Governo Federal tem conduzido a pandemia da Covid-19 no país.

Com o número de mortos e infetados a atingirem recordes, o presidente mantém-se em contraciclo, afirmando que não vale a pena ficar em casa, minutos depois do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, ter pedido aos brasileiros para usarem máscara e manterem o distanciamento físico durante o período da Páscoa.