EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Israel volta a impôr uso de máscara

Mercado em Jerusalém
Mercado em Jerusalém Direitos de autor Maya Alleruzzo/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved
Direitos de autor Maya Alleruzzo/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved
De  Nara Madeira com AFP, AP
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Milhares reunidos na Parada do Orgulho Gay, em Telavive, no dia em que autoridades de Israel impõem, novamente, uso de máscara em espaços fechados.

PUBLICIDADE

Em Israel voltou a ser obrigatório, desde esta sexta-feira, o uso de máscaras em locais públicos fechados e empresas. Uma decisão tomada depois do aumento do número de infetados pelo novo coronavírus. 

Uma situação que apanhou de surpresa o país que dizia ter sido o primeiro a sair desta crise sanitária graças a uma campanha maciça de vacinação. De acordo com as autoridades sanitárias a variante Delta, que se acredita ser mais contagiosa, e que surgiu na Índia, está a propagar-se rapidamente.

Nas ruas havia quem dissesse "sentir-se triste por ter de usar máscara, porque está calor, por outro lado compreendia ser para sua "segurança" e quem garantisse nunca ter deixado de usá-la, em espaços interiores e exteriores, por se sentir em segurança.

Mais de metade dos nove milhões de habitantes de Israel já recebeu as duas doses da vacina. Desde 15 de junho que a máscara não era obrigatória. Agora continuará a não ser, nos espaços ao ar livre. Mas não se sabe se por muito tempo já que, esta sexta-feira, milhares de pessoas assistiram a um desfile do Orgulho Gay, em Telavive, uma das maiores manifestações públicas realizadas desde o início da pandemia e sem grandes precauções. No ano passado o evento tinha sido cancelado devido às restrições impostas para conter a propagação do novo coronavírus.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Nova Gales do Sul tenta travar variante Delta em Sydney

Primeiro-ministro israelita dissolve gabinete de guerra

Forças israelitas anunciam "pausa tática" nos combates para permitir a passagem de ajuda