EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Atletas que amamentam podem levar bebés a Tóquio

Atletas que amamentam podem levar bebés a Tóquio
Direitos de autor Du Xiaoyi/AP
Direitos de autor Du Xiaoyi/AP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Comité Olímpico Internacional anunciou exceção às restrições sanitárias, que impedem familiares de atletas de os acompanhar aos Jogos

PUBLICIDADE

O Comité Olímpico Internacional cedeu aos apelos de atletas como a canadiana Kim Gaucher, através das redes sociais: o organismo anunciou que a jogadora de basquetebol canadiana, a maratonista norte-americana Aliphine Tuliamuk e outras desportistas que se encontram a amamentar poderão levar os filhos para os Jogos Olímpicos de Tóquio.

Até esta quarta-feira, atletas como Gaucher, Tuliamuk ou a conterrânea Alex Morgan, estrela da equipa de futebol feminina dos Estados Unidos, deparavam-se com uma escolha bastante difícil: abandonar o sonho olímpico, ou passar quase um mês afastadas dos respetivos bebés, já que o Comité tinha proibido o tradicional acompanhamento de familiares, devido às restrições sanitárias ligadas à pandemia de Covid-19. 

A eventual separação de mães e bébes tinha alimentado polémica, tanto nos meios de comunicação, como nas redes sociais.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Comitiva portuguesa adaptada e ambiciosa em Tóquio2020

Campeã olímpica Caster Semenya ganha recurso contra testosterona no atletismo

Judo: Uzbequistão leva mais dois ouros no Tashkent Grand Slam 2023