Stefan Lofven volta a ser Primeiro-ministro sueco

Stefan Lofven volta a ser Primeiro-ministro sueco
Direitos de autor Christine Olsson/Christine Olsson
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Recorde-se que Lofven, de 63 anos, perdeu, a 21 de junho, a votação da moção de censura lançada pelo populista Partido Democrata da Suécia. Mas o parlamento do país voltou a votar e reconduziu o social democrata como chefe do executivo.

PUBLICIDADE

O parlamento sueco aprovou a reintegração do líder do partido social-democrata Stefan Lofven como primeiro-ministro. Uma votação que ocorre poucas semanas depois da destituição do chefe de governo após a aprovação de uma histórica moção de censura. Agora a nomeação de Lofven foi aprovada com 116 votos a favor, 173 contra e 60 abstenções.

No sistema sueco, um primeiro-ministro só precisa ser "tolerado" pelo parlamento - ou seja, pode ser confirmado, desde que a maioria não vote contra ele.

Entretanto, Stefan Lofven afirmou que vai formar um governo de coligação com os Verdes. 

Recorde-se que Lofven, de 63 anos, perdeu o votação da moção de censura lançada pelo populista Partido Democrata da Suécia.

Como consequência desta manobra política, o Partido de Esquerda, um aliado do governo, retirou o apoio ao executivo.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Russo que enfrenta deportação da Suécia receia ser chamado para a guerra

Incêndio destrói atrações de um parque aquático na Suécia

Forças Armadas suecas vão ajudar polícia na luta contra onda de criminalidade sem precedentes