EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Museu da Colher revela a história deste objeto do quotidiano

Museu da Colher revela a história deste objeto do quotidiano
Direitos de autor AP Photo
Direitos de autor AP Photo
De  euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O Museu da Colher na Rússia abriga mais de cinco mil exemplares de colheres provenientes de 80 países; os exemplares mais antigos datam dos séculos VII e IX antes de Cristo

PUBLICIDADE

Na Rússia, o Museu da Colher revela as origens de um objeto que faz parte do nosso quotidiano mas cuja história se estende por centenas senão mesmo milhares de anos.

De artigos de luxo nos séculos XVIII e XIX, à produção em massa do século XX, a colher atravessa gerações.

"Tenho em casa uma colher que pertencia ao meu pai e que ele usou durante a guerra. Esta colher parece um troféu. Como o guia nos explicou, durante essa altura todos tinahm as suas próprias colheres e esta tinha o apelido dele, "Belobrov"", conta Natalya Tretyakova, uma visitante do museu.

O museu abriu em 2003 na localidade de Nytva na região ocidental da Rússia e conta com mais cinco mil exemplares provenientes de 80 países. 

Os exemplares mais antigos datam de entre o século VII e IX antes de Cristo.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Museu dedicado à vida e obra de Federico Fellini abre em Rimini

Do Museu para as ruas de Londres

Museu da Língua Portuguesa reabre com Marcelo mas sem Bolsonaro