Última hora
This content is not available in your region

Jovens "Verdes" lutam pelo futuro da Alemanha

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Jovens "Verdes" lutam pelo futuro da Alemanha
Direitos de autor  euronews
Tamanho do texto Aa Aa

Dinkelsbühl, que detém o título da mais bela cidade antiga da Baviera, na Alemanha, é tradicionalmente um bastião dos conservadores. Mas desta vez, após 16 anos sob o comando da chanceler conservadora Angela Merkel, os jovens políticos verdes Katharina Sparrer e David Schiepek acreditam que é tempo de mudar.

Durante a campanha eleitoral encontram pessoas que se congratulam com a mudança verde, mas também se deparam com ódio e raiva. Uma das reprovações frequentes é que "Os Verdes" também são conhecidos como um partido que gosta de proibir as coisas.

Para David Schiepek estas eleições são eleições climáticas, porque é a última oportunidade de mudar de rumo e de garantir que a Alemanha atinge os seus objetivos climáticos.

Pessoalmente, tenho medo de viver num futuro dentro de 20-30-40 anos onde, devido a crises ecológicas, devido às alterações climáticas, deixarei de ser livre e de poder viver num ecossistema que está intacto e que vale a pena viver e, por isso, uma política verde, uma política orientada para o futuro, protege a nossa liberdade em vez de a pôr em perigo.
David Schiepek
Os Verdes

Na luta contra as alterações climáticas todos os dias contam, é por isso que Schiepek, juntamente outros ativistas e da organização "Environmental Action Germany", estão a processar o estado da Baviera. Alegam que a atual lei da Baviera de proteção climática não é suficientemente precisa e, portanto, ineficaz.

Por lei, devemos especificar até que ano queremos ter alcançado determinadas reduções de CO2 e em que sector, por exemplo, transportes, energia, em comparação com 1990. Porque só quando tivermos especificado legalmente estas reduções é que poderemos - a economia e a sociedade - , planear que medidas devem ser tomadas e quando.
David Schiepek
Os Verdes

Para Katharina e David trata-se de mais do que apenas política, para eles é o futuro da sua geração que está em jogo.