Última hora
This content is not available in your region

Afegãos recebem ajuda humanitária da União Europeia

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Cabul, Afeganistão
Cabul, Afeganistão   -   Direitos de autor  Euronews
Tamanho do texto Aa Aa

A União Europeia quer mostrar que apesar das divergências com os talibãs está ao lado do povo afegão.

Ursula von der Leyen escreveu no Twitter que estão "com o povo do Afeganistão" e que foi por isso que foi enviado um carregamento de ajuda para Cabul. Garantindo que o apoio humanitário continuará a chegar.

A UE está a preparar 300 milhões de euros em ajuda humanitária para o Afeganistão, mas os afegãos necessitam de toda a ajuda possível e, por agora, é residual o que chega do estrangeiro.

A situação no país é dramática. Mohammad Isa, um engraxador afegão, diz que passam o dia sem fazer nada porque não há trabalho, sentados, com sede e fome. E como não há trabalho o dinheiro que se consegue é muito pouco. Outro afegão reivindicava que seja distribuído, equitativamente, o dinheiro que se recebeu da comunidade internacional.

Em Cabul, o organismo que se ocupa dos refugiados internos conseguiu fazer regressar a casa 130 famílias que estavam deslocadas. Organizações de solidariedade dizem que este trabalho vai continuar até que todas as pessoas que fugiram da guerra nas suas regiões regressem a casa.