Famílias enfrentam escassez de pão na Síria

Famílias enfrentam escassez de pão na Síria
Direitos de autor FADEL SENNA/AFP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Há falta de pão na Síria. Governo não consegue produzir trigo suficiente e importa o cereal da Rússia. Pão atinge preços astronómicos para as famílias

PUBLICIDADE

Qahwa, é mãe de oito filhos. Vive em Dier el Zor, na Síria, e, como muitas outras mulheres no país, é obrigada a fabricar o pão para a família, face à escassez nas padarias do governo.

"O pão das padarias não chega para nós. Sou obrigada a fazer a massa e cozer o pão para alimentar os meus filhos. Preciso de, pelo menos, 50 pães, juro", diz.

Antes da guerra, a Síria tinha excedente de trigo; agora tem de o importar. Em 2020 só conseguiu produzir cerca de 1 milhão de toneladas; um quarto da produção antes da guerra e um terço das necessidades do país.

O professor Omar Abdul Razzaq , Decano da Faculdade de Agricultura da Universidade Eufrates contextualiza a situação: "A produção de trigo na região nordeste da Síria cresceu entre 50 a 60 %. Esta região ficou fora do controlo do Estado durante a guerra. Vários grupos terroristas e armados criaram também unidades de destilação primitivas em terras agrícolas. Além disso, o rio Eufrates é a principal fonte de água para a agricultura, e o controlo da Turquia sobre a quantidade de água que flui para a península [síria] causa graves perturbações no setor agrícola. Importamos quantidades suficientes da Rússia para cobrir as necessidades dos cidadãos desta cultura estratégica".

As importações acrescentam tensão a uma economia esgotada pela guerra. Assim, o governo limitou a quantidade de pão que cada família pode comprar, e duplicou os preços duas vezes no ano passado, levando as mulheres de toda a Síria a cozer pão em casa.

Jamila, uma mãe de família, conta: "Compramos o pão ao fornecedor. Hoje em dia, um pacote custa 500 liras e tem 14 pães. Isso não é suficiente para a família. Por vezes, durante um ou dois dias, não conseguimos obter o pão. As crianças vão dormir com fome porque não conseguimos encontrar pão. Onde é que podemos arranjar pão? Arranjamos trigo como ajuda do Crescente Vermelho e voltámos a cozer o pão no forno elétrico. Esperamos horas para que a eletricidade chegue e, em duas horas, fazemos a massa e cozemos.

De acordo com relatórios da ONU, a insegurança alimentar atinge 60% dos sírios. Devido à guerra, a Síria perdeu quase um milhão de hectares de terrenos aráveis.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Explosões mortais na Síria

Duas crianças entre os seis mortos após bombardeamentos de Assad em Idlib

Região rebelde de Idlib bombardeada após ataque em Homs