This content is not available in your region

Governo britânico revê medidas de segurança dos deputados

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
 Governo britânico revê medidas de segurança dos deputados
Direitos de autor  Photo : Alberto Pezzali (Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved.)

O Governo do Reino Unido ordenou uma revisão das medidas de segurança para os deputados após o assassinato do conservador David Amess.

O primeiro-ministro, Boris Johnson prestou homenagem, este sábado, ao parlamentar colocando uma coroa de flores à porta da Igreja Metodista Belfairs em Leigh-on-Sea, onde Amess foi esfaqueado enquanto atendia os eleitores no seu círculo eleitoral, no leste de Inglaterra.

A ministra britânica do Interior, Priti Patel, anunciou que está em curso uma revisão das medidas de segurança de todos os 600 deputados do Parlamento, "sobre o que estão a fazer no seu círculo eleitoral para se certificarem de que estão protegidos, para que possam andar por aí a servir os seus círculos eleitorais dessa forma aberta, mas de uma forma segura. É importante que isso continue", frisou Patel.

O assassinato de David Amess chocou o condado de Essex, onde o deputado era muito acarinhado pela população.

Uma residente local afirmou que foi um dia devastador por coisas como estas não costumam acontecer na região. Sheila Clark fez questão de destacar a bondade do deputado, assegurando que "ele não recusou ninguém, costumava ir às escolas, aos Lions" e que "era apenas um grande, grande homem".

A polícia tem sob custódia o alegado perpetrador, um britânico nascido na Somália, de 25 anos.

De acordo com a Scotland Yard, a investigação inicial revelou uma possível motivação ligada ao extremismo islamista.