EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Tribunal de Paris diz que Sanofi não cumpriu obrigações no caso Dépakine

Fábrica da Sanofi no sudoeste de França (imagem de arquivo)
Fábrica da Sanofi no sudoeste de França (imagem de arquivo) Direitos de autor IROZ GAIZKA/AFP or licensors
Direitos de autor IROZ GAIZKA/AFP or licensors
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Justiça francesa abre via a ação coletiva lançada por associações de vítimas do medicamento anti-epilético

PUBLICIDADE

O Tribunal Judicial de Paris considerou que a farmacêutica Sanofi não cumpriu com as obrigações de vigilância e informação sobre os riscos do medicamento anti-epilético Dépakine, com efeitos nocivos comprovados para os fetos quando tomado por mulheres grávidas. 

A Justiça francesa abriu também a via à ação coletiva apresentada pela associação de vítimas do Dépakine.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Tornado destrói parte da fábrica da Pfizer na Carolina da Norte

Agência Europeia do Medicamento dá luz verde a nova vacina contra a Covid-19

Conhecida lista dos 26 convocados portugueses para o Mundial de Futebol