Djokovic de regresso a casa: acabou o pesadelo australiano

Djokovic no avião que o leva do Dubai para a Sérvia
Djokovic no avião que o leva do Dubai para a Sérvia Direitos de autor Darko Bandic/AP
Direitos de autor Darko Bandic/AP
De  Ricardo Figueira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O tenista sérvio, número um mundial, deixou a Austrália depois de 11 dias de batalha com as autoridades e falha o "Open".

PUBLICIDADE

Novak Djokovic chegou ao Dubai, depois da peripécia que foram os 11 dias passados na Austrália, quase sempre retido num hotel pelas autoridades, por não estar vacinado contra a Covid-19, e seguiu depois num voo com destino ao país natal.

O tenista sérvio, número um mundial da modalidade, mostrou-se extremamente desiludido com a justiça australiana, que no domingo confirmou a revogação do visto, e disse que precisava de recuperar antes de fazer mais comentários.

Na Sérvia, Djokovic é visto como um herói. Uma das principais torres de Belgrado foi iluminada com uma mensagem de apoio a "Nole", como é conhecido.

Darko Vojinovic/AP
Torre em Belgrado com mensagem de solidariedade para "Nole"Darko Vojinovic/AP

Djokovic tinha entrado com um visto passado pelas autoridades, depois da organização do Open da Austrália o ter autorizado a inscrever-se, apesar de não cumprir o requisito da vacina contra a Covid.

O Open começou esta segunda-feira e decorre sem a presença do campeão em título, que perseguia aqui uma vigésima primeira vitória em torneios do Grand Slam.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Advogados de Djoković ameaçam processar o Estado australiano

Kosovo mais perto de aderir ao Conselho da Europa. Decisão final tomada em maio

Sarajevo assinala o 32º aniversário do cerco da cidade