This content is not available in your region

Kiev está em recolher obrigatório durante 35 horas

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Kiev está em recolher obrigatório durante 35 horas
Direitos de autor  AP / Vadim Ghirda

Num país em guerra, há o medo de que toda a cidade de Kiev fique como tantas outras: destruída.

A capital está em recolher obrigatório que durará 35 horas. As pessoas foram instruídas a ficar dentro de casa ou em locais seguros das 18:00 de Portugal Continental do dia 15, até às 07:00 do dia 17 de março.

Antes do recolher, nos supermercados, fizeram-se filas para que nada faltasse durante as 35 horas.

Mykola Vasylinko, veio de Chernihiv e vive agora em Kiev. Conta aos jornalistas em Kiev que lá a situação "é muito pior". Diz que os russos "bombardearam áreas residenciais" que estão agora destruídas.

São milhares as pessoas que circulam dentro da Ucrânia. Nesta fila, a aguardar por uma refeição, estão dezenas de ucranianos que fugiram de Mariupol. Só desta cidade, já saíram através de um corredor humanitário perto de 20 mil pessoas.

As fotografias de satélite de Mariupol mostram que as tropas russas tomaram o controlo de um hospita. De acordo com um líder regional ucraniano, o exército russo fez 500 pessoas como reféns, incluindo médicos e enfermeiros.

Todos os dias, a todas as horas, são muitos os ucranianos que deixam as cidades onde naceram para trás, para fugirem a uma guerra que está a destruir cada vez mais a normalidade.

As negociações de paz entre as autoridades ucranianas e russas devem ser retomadas esta tarde.