EventsEventos
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Guerra na Ucrânia: Zelenskyy pede mais ajuda militar

AP
AP Direitos de autor AP Photo/Francisco Seco
Direitos de autor AP Photo/Francisco Seco
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Enquanto os ataques continuam, os produtores de cereais tentam solucionar as milhares de toneladas de produto que têm nos armazéns, a pouco tempo de novas colheitas

PUBLICIDADE

As autoridades ucranianas estão a pedir material militar para impedir que o exército russo continue a ganhar terreno nas regiões de Luhansk e Donetsk, onde Putin concentrou tropas há já várias semanas.

Este sábado, a Rússia reivindicou controlo total da cidade de Lyman em Sverodonetsk, Luhansk.

No discurso noturno, o presidente ucraniano pediu ajuda à comunidade internacional.

Volodymyr Zelenskyy afirmou que todos os dias se esforça em reforçar a defesa, principalmente no fornecimento de armas.

O chefe de estado diz que os invasores são "tecnologicamente inferiores" à Ucrânia devido à ajuda dos aliados "que fornecem tudo o que é necessário para proteger a liberdade". 

Zelenskyy afirmou ainda estar confiante que essa ajuda continue a chegar. "Estou ansioso pelas boas notícias na próxima semana.", disse o presidente ucraniano.

Colheitas a chegar com armazéns lotados de cereais

Nos arredores de Kharkiv, a norte da cidade. Os campos são agora o rasto de uma guerra: granadas não detonadas que tornam a zona muito perigosa. 

Os produtores preparam outra colheita mas têm guardados milhares de toneladas de cereais, à espera de serem vendidas. A Ucrânia exportava cereais para todo o mundo. Negócio que a Rússia interrompeu ao parar a atividade de vários portos ucranianos, usados para escoar produtos, como este, o que provocou uma crise alimentar em quase todos os cantos do planeta.

O Kremlin admitiu este sábado que vai permitir a exportação de vários produtos, incluindo os cereais ucranianos.

O porto de Mariupol, cidade controlada pela Rússia, já retomou a atividade. Em Odessa, ainda não. Mas um navio da Open Arms conseguiu atracar com 24 toneladas de alimentos.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Pedalar para ajudar as vítimas da guerra na Ucrânia

Zelenskyy sai de Kiev e demite Chefe de Defesa de Kharkiv

Ataque aéreo a Kharkiv faz pelo menos sete mortos. Zelenskyy condena brutalidade russa