This content is not available in your region

Leste da Europa mais afetado pela pandemia

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Cemitério na Europa.
Cemitério na Europa.   -   Direitos de autor  Euronews

A taxa de mortalidade por Covid-19 apresenta diferenças acentuadas entre os Estados-Membros da União Europeia.

Tendo como ponto de comparação os primeiros dois anos da pandemia, os países que apresentam a taxa de mortalidade mais elevada são os do leste da Europa. A Bulgária, por exemplo, apresenta uma taxa de mortalidade de 30%. Já a Polónia, Eslováquia, Roménia e Chéquia fixam-se em taxas acima dos 20%, segundo dados do Eurostat.

Os países escandinavos, de que fazem parte a Dinamarca, Suécia e Finlândia, registaram as taxas de mortalidade mais baixas, que rondam os 7%. Por seu turno, Portugal apresenta uma taxa superior a 13%.

Estatísticas oficias dão conta de que, na União Europeia, mais de 1 milhão de pessoas já perdeu a vida devido à Covid-19. De acordo com o Eurostat, a esperança de vida à nascença caiu mais de 1 ponto percentual como resultado da pandemia.