This content is not available in your region

Parlamento português aprova despenalização da eutanásia

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Parlamento português debate e vota eutanásia
Parlamento português debate e vota eutanásia   -   Direitos de autor  ANTÓNIO PEDRO SANTOS/ 2022 LUSA - Agência de Notícias de Portugal, S.A.

O Parlamento Português aprovou na generalidade a despenalização da eutanásia em Portugal.

A maioria dos 230 deputados votou a favor dos quatro projetos apresentados pelo Partido Socialista, pela Iniciativa Liberal, pelo Bloco de Esquerda e pelo Partido das Pessoas, dos Animais e da Natureza (PAN) que regulam a morte medicamente assistida.

A legislação foi aprovada apesar de contar com a oposição da grande maioria da bancada do Partido Social Democrata, do Partido Comunista e do Chega.

Os projetos seguem agora para o trabalho na especialidade.

Entretanto, em frente ao edifício do Parlamento, em Lisboa, dezenas de pessoas manifestaram-se silenciosamente contra aquilo a que chamam de "genocídio legal".

O protesto foi promovido pela Federação Portuguesa pela Vida, que no dia anterior já tinha promovido várias vigílias pelo país. A organização defende, no seu manifesto que "A legalização da eutanásia, contra a opinião dos especialistas e contra a vontade da sociedade, é um ato de despotismo de alguns partidos, que procuram impor a eutanásia a Portugal."