R.Kelly condenado a 30 anos de prisão por esquema de abuso sexual de menores

R.Kelly ao centro, em 2019
R.Kelly ao centro, em 2019 Direitos de autor Ashlee Rezin/Chicago Sun-Times via AP/Arquivo
De  Francisco Marques
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Artista norte-america de 55 anos, famoso pelo tema "I Believe I Can Fly", com diversos discos de platina e vários prémios Grammy, ouviu sentença em silêncio

PUBLICIDADE

R.Kelly foi condenado a 30 anos de prisão por envolvimento em esquema de abuso sexual de menores.

O artista norte.americano, de 55 anos, conhecido pela canção "I Believe I Can Fly", foi considerado culpado de utilizar a fama para atrair jovens fãs, alguns ainda crianças, para práticas sexuais abusivas.

"Fizeste-me fazer coisas que me partiram a alma. Desejei literalmente morrer de tão baixo que me fizeste sentir", afirmou uma vítima, dirigindo-se a R.Kelly na sala de tribunal, em Nova Iorque.

O artista manteve-se de cabeça baixa enquanto ouviu as acusações e a sentença, em silêncio.

"Apesar de o sexo ter sido uma arma que usou, este não é um caso sobre sexo, mas sobre violência, crueldade e controlo", disse ao ré a juíza Ann Donnely.

Outras fontes • AP

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

"Rapper" Sean Combs acusado de violação e abuso pela ex-namorada

FIFA penaliza beijo e suspende presidente da Federação Espanhola de futebol

Met Gala cruza-se com Karl Lagerfeld e dá um show