This content is not available in your region

Erupção a 40 quilómetros de Reiquiavique

Access to the comments Comentários
De  Teresa Bizarro  com Agências
euronews_icons_loading
A lava começou a correr esta terça-feira
A lava começou a correr esta terça-feira   -   Direitos de autor  Marco Di Marco/AP

Nova erupção vulcânica na Islândia. Oito meses depois de ter sido dado como adormecido, o vulcão do Vale de Meradalir voltou a entrar em atividade cobrindo já com lava uma vasta área.

As autoridades avaliam o nível de perigo e possível contaminação do ar. Pedem à população para que se mantenha fastada, mas os turistas não resistem a captar o momento

"Temos as crateras expostas, a fonte de lava e depois a lava viva a correr que também empurra a areia e a terra. É realmente espectacular," diz Anita Sauckel, uma alemã a viver na Islândia.

Marion Roux-Calza, turista francesa, declara-se impressionada com o cenário. "É impressionante e um pouco irreal. As cores são muio chamativas. É irreal e muito, muito bonito," afirma.

O Vale de Meradalir fica apenas a 40 quilómetros de Reiquiavique, capital islandesa, e a erupção ocorreu a cerca de mil metros da que se registou no ano passado e que esteve ativa por mais de seis meses.

Euronews
Em dois anos, registaram-se duas erupções no Vale de Meradalir, na IslândiaEuronews

A Islândia atravessa uma intensa vaga de sismos. Desde sábado, já se registaram mais de 10 mil sismos no país.

Contactada pela AFP, a Autoridade Aeroportuária Nacional da Islândia disse que, neste momento, nenhum voo foi afectado pelo vulcão, acrescentando que estava a acompanhar a situação "em conformidade".

"O risco para as áreas povoadas e infra-estruturas críticas é considerado muito baixo e não tem havido perturbações nos voos", disse o Ministério dos Negócios Estrangeiros no Twitter.

No ano passado, a Islândia sofreu uma erupção numa área relativamente acessível, tornando-se numa verdadeira atracção turística.

Na altura, correram a céu aberto mais de 140 milhões de metros cúbicos de magma. De acordo com a Direcção de Turismo islandesa, mais de 430.000 pessoas visitaram o local.

Islândia - O país dos vulcões

O Monte Fagradalsfjall, onde se situa o Vale de Meradalir, pertence ao sistema vulcânico de Krysuvik, localizado na Península de Reiquianes, no sul da Islândia.

Antes do ano passado, não houve registo de erupções na Península durante quase oito séculos, mas especialistas islandeses dizem que a região entrou num novo período de actividade vulcânica.

A Islândia tem 32 sistemas vulcânicos actualmente considerados activos, os mais activos da Europa. Em média, o país experimenta uma erupção a cada cinco anos.

A Islândia está encravada na crista do Médio-Atlântico, uma fissura que separa as placas tectónicas eurasiáticas e norte-americanas. O movimento destas placas é parcialmente responsável pela intensa actividade sísmica do país.