NATO inicia exercício anual de dissuasão nuclear

Participam no exercício anual 14 países
Participam no exercício anual 14 países Direitos de autor Steve Helber/Copyright 2022 The AP. All rights reserved
Direitos de autor Steve Helber/Copyright 2022 The AP. All rights reserved
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Operação "Steadfast Noon" decorre até ao final do mês, altura em que a Rússia também deverá realizar o exercício nuclear estratégico anual "Grom"

PUBLICIDADE

Caças de quarta e de quinta geração, tanques ou aviões com capacidade para largar uma bomba atómica a sobrevoar o noroeste da Europa.

A NATO inicia, hoje, o exercício anual de dissuasão nuclear, que decorre até ao final do mês de outubro. Mais simbólico do que nunca, por causa da guerra na Ucrânia, apesar de a Aliança Atlântica insistir que não está associado a "nenhum acontecimento mundial."

Participam na operação "Steadfast Noon", que tem a Bélgica como base este ano, 14 países, incluindo os EUA, com até 60 aeronaves de vários tipos.

Com este exercício, a NATO envia uma mensagem de unidade para a Rússia, que no final de outubro também deverá realizar manobras idênticas, com o exercício nuclear estratégico anual "Grom."

Será uma oportunidade para Moscovo testar bombardeiros, submarinos e mísseis.

O Pentágono fala em irresponsabilidade pela realização destes testes numa altura em que a Rússia prossegue a guerra contra a Ucrânia.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Está iminente novo ataque russo em grande escala na Ucrânia, dizem analistas norte-americanos

Forças ucranianas dizem ter atingido navio russo Kommouna na Crimeia

Ucrânia lança ataque com drones contra infraestruturas energéticas da Rússia