EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Europol anuncia desmantelamento de poderoso cartel de drogas

Droga apreendida na operação coordenada pela Europol, com polícias de diversos países da Europa, EAU e dos EUA
Droga apreendida na operação coordenada pela Europol, com polícias de diversos países da Europa, EAU e dos EUA Direitos de autor CORTESÍA EUROPOL/GUARDIA CIVIL ESPAÑOLA/POLICÍA DE DUBÁI
Direitos de autor CORTESÍA EUROPOL/GUARDIA CIVIL ESPAÑOLA/POLICÍA DE DUBÁI
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A Europol, em coordenação com polícias de Espanha, França, Bélgica, Países Baixos, EUA e Emirados Árabes Unidos, desmantelou poderoso cartel de droga

PUBLICIDADE

A Europol desmantelou o que chamou um "supercartel de drogas", com a detenção de dezenas de pessoas em quatro países europeus, nos Estados Unidos da América (EUA) e nos Emirados Árabes Unidos (EAU).

A operação, que estava a ser preparada há vários anos, visou um centro de comando e infraestruturas em França, Espanha, Países Baixos e Bélgica.

Foram detidas 43 pessoas nos quatro países europeus e mais seis no Dubai; algumas, segundo a Europol, são alvos extremamente importantes no tráfico internacional.

A operação denominada Luz no Deserto terá permitido a apreensão de 30 toneladas de drogas. De acordo com a Europol, foi desmantelada uma importante rede de importação maciça de cocaína para a Europa.

As ações das polícias dos quatro países europeus, dos EUA e dos Emirados Árabes Unidos decorreram de 8 a 19 de novembro, sob a coordenação da Europol, um trabalho possível na sequência do acordo de cooperação estabelecido em setembro entre a Europol e as autoridades dos Emirados Árabes Unidos.

Esta abordagem única da cooperação policial internacional posicionou a Europol como o local onde surgem informações cruciais com a aplicação da lei de países de todo o mundo a trabalhar lado a lado para combater as redes criminosas mais perigosas, pode ler-se no comunicado deste organismo, que conta com 250 agentes de ligação de mais de 50 países, em representação permanente.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Europol identificou as 821 redes criminosas mais perigosas da Europa

Polícia peruana apreende droga marcada com símbolo nazi

Espanha recusou autorização para escala a navio que transportava armas para Israel