Ministro alemão da Defesa garante tanques na Ucrânia até ao fim de março

Boris Pistorius com o homólogo ucraniano e uma miniatura do tanque Leopard
Boris Pistorius com o homólogo ucraniano e uma miniatura do tanque Leopard Direitos de autor AP/Ukrainian Defence Ministry Press Office
De  Ricardo Figueira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Boris Pistorius deixou a promessa à chegada à Conferência de Segurança de Munique.

PUBLICIDADE

Acelerar a entrega de tanques Leopard à Ucrânia é um dos tópicos de discussão na Conferência de Segurança de Munique, que dura três dias e arranca esta sexta-feira. À chegada, o ministro da Defesa da AlemanhaBoris Pistorius teve uma conversa breve e reveladora com a imprensa e garantiu que os tanques vão estar na Ucrânia muito em breve:

Perguntado por que razão é difícil conseguir parceiros para enviar mais armas para a Ucrânia, respondeu que "essa é uma questão que deve ser colocada aos parceiros" e prometeu continuar a trabalhar para os convencer. Quanto aos prazos de entrega, garantiu que os tanques estarão na Ucrânia, o mais tardar, na última semana de março.

Cerca de trinta chefes de Estado e de governo e uma centena de ministros da defesa de todo o mundo participam nesta 59ª edição da conferência, na qual, entre outros assuntos, são discutidas a guerra na Ucrânia e as relações entre Washington e Pequim.

A Rússia é a grande ausente nesta reunião de segurança, que nasceu durante a Guerra Fria, precisamente para aproximar os dois blocos.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Ucrânia recebe tanques britânicos e soldados de volta a casa

Centro de Colónia parcialmente evacuado devido a bomba da II Guerra Mundial

Pelo menos cinco mortos em acidente de autocarro na Alemanha