Turquia: Advogados recolhem provas sobre a construção dos edifícios

Advogados turcos recolhem provas sobre a constução dos edifícios antes da remoção dos escombros do terramoto
Advogados turcos recolhem provas sobre a constução dos edifícios antes da remoção dos escombros do terramoto Direitos de autor AP Photo
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Por entre os escombros dos sismos na Turquia, os advogados recolhem provas sobre a construção dos edifícios, para os processos judiciais.

PUBLICIDADE

Usando capacetes de proteção, centenas de advogados turcos recolhem provas nas áreas destruídas após o devastador terramoto de magnitude 7,8 do mês passado que matou mais de 46.000 pessoas na Turquia.

Os advogados, enviados pelas associações da classe de 81 províncias, estão a recolher o máximo de dados possíveis antes de os escombros serem removidos, ainda que em alguns locais já tenham chegado tarde.

Ahmet Kandemir, membro da Ordem dos Advogados de Hatay, afirma: "Somos advogados que trabalham como voluntários a fim de conseguirmos fotografias de edifícios, bem como a identificação de provas. Vimos aqui e tiramos fotografias dos edifícios, dos materiais utilizados no edifício e transferimo-las para o programa a ser arquivado na sede da Ordem dos Advogados. Nas fases seguintes, todos estes elementos serão utilizados como base de prova no processo judicial".

Até à data, 269 suspeitos foram detidos pela polícia turca como parte de uma investigação crescente sobre empreiteiros cujos edifícios deveriam ter sido construídos à prova de terramotos e que desabaram como baralhos de cartas na tragédia do princípio de fevereiro.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Responsáveis da discoteca que ardeu em Istambul detidos para interrogatório

Incêndio em discoteca de Istambul faz dezenas de mortos

Vitória da oposição é sinal de "ingratidão", dizem apoiantes de Erdoğan na Turquia